MocTezUma o GrandE GourMet AzteCa

Se disse muito nos textos dos grandes banquetes que o Imperador Moctezuma oferecia (e seguramente o resto dos governantes pré-hispánicos). É possível que exista exagerações nas crônicas, mas, eram dignas de se chamar imperiais, se disse que se degustavam até trinta pratos em 300 bandejas que se quebravam após o uso. O serviço era assim:

Se o tempo estava frio lhe faziam uma fogueira com lenha de arvores que não faziam fumaça e o cheiro era muito agradável, no verão colocava-lhe um guarda sol feito em oro e outros tipos de metais preciosos, as mesas eram bem decoradas com toalhas brancas e quatro mulheres bonitas e limpas lhe ajudavam a lavar as mãos.

Outras mulheres lhe traziam pratos e outras tortillas quentes, quando começava a comer colocavam uma porta pintada em oro para que ninguém olhasse ele comendo, comia junto quatro velhos sábios a os quais lhes perguntava coisas, e a cada um deles lhes oferecia depois que tinha comido um prato de aquilo que eles tinham gostado mais.

Havia também um tipo de maitrê que lhe apresentava os pratos, e com uma vara lhe indicava aquele que mais lhe apetecia. As vasilhas eram utilizadas uma vez só, e eram de barro de cores roxo e preto e os mais de 300 pratos eram colocados em fogareiros individuais.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s